SER PAI

pai

Ser pai

É ter a surpresa e a alegria ao saber da gravidez: – Você não sentiu nada e nem podia imaginar;

Ser pai

É ver o ventre da sua mulher crescer, ter receio de tocar e saber que ali existe outro ser que também é seu;

Ser pai

É correr para a maternidade quando ela sente que o filho vai nascer e ficar nervoso do lado de fora, fumando e andando de um lado para outro, ou ficar nervoso do lado de dentro, assistindo, filmando, desmaiando;

Ser pai

É comemorar com os amigos o nascimento do filho e encher a cara e chorar feito criança no dia, para depois recebe-los forte e seguro em casa;

Ser pai

É não saber se podemos respirar perto no nené, é não saber se podemos tocar, se podemos pegar – é tão pequeno que pode desmontar;

Ser pai

É ver os seios de sua mulher ingurgitados, dolorosos e ver alguém se nutrindo neles;

Ser pai

É pegar no colo o tentar ensinar a falar “papai”, quando ele somente repete “mamãe” e achar lindo;

Ser pai

É não se importar de ser acordado no meio da noite quando ele chora ou interromper o amor por causa de uma dor de barriga, deixando para depois, sempre depois;

Ser pai

É ver crescer, levar na escola, mostrar com orgulho a obra quase de arte;

Ser pai

É morrer de ciúmes quando se nota que o filho prefere a mãe, que olha para você como se fosse um intruso – você está atrapalhando;

Ser pai

É preocupar-se na adolescência, não dormir enquanto não chega da rua e fingir que está tudo bem; é querer saber com que anda, o que faz, mas nunca perguntar a ele, só à mãe;

Ser pai

É dar o ombro para ouvir os lamentos, tentar falar uma palavra de conforto mesmo sabendo que o estrago foi grande e que a dor e a decepção não tem alento. Não teve na sua época, não tem na dele;

Ser pai

É vibrar como sucesso, com a aprovação no vestibular, com a cabeça raspada ou com a tinta no cabelo, com o trote que você preferiria que não houvesse ocorrido, mas que você também quis levar;

Ser pai

É estar presente em todas as situações, em todas as alegrias, em todas as tristezas, em todo o tempo;

Ser pai

É ver que o trabalho foi duro, que a jornada foi exaustiva, mas que você conseguiu e agora ele está pronto. Ele já pensa até em outra família;

Ser pai

Não é sofrer no paraíso, não é receber um sorriso, um ,abraço, na maioria das vezes recebe-se ressentimentos pela correção;

Ser pai

É ser o que você foi, é ser o que você representa na minha vida. É saber que sempre houve alguém que vibrou, que buscou o melhor, que quis fazer o que pôde fazer e deixou que eu fizesse o que podia, quebrasse a cara, acertasse e aprendesse com o erro;

Ser pai

Talvez seja mais difícil, telvez seja mais complicado, mas é algo tão sublime e caro que somente a alguns homens foi dado esse privilégio. Eles são escolhidos por Deus, que é o maior pai!

 

Pai, um amigo, um herói. Litteris Editora. 2001:48-40.

Anúncios

5 comentários em “SER PAI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s